automação de marketing archivos - Blog emBlue

Encontre o melhor conteúdo para sua estratégia de marketing

4 dicas valiosas para utilizar banners pop up

Para que você entenda melhor, vamos explicar rapidamente o que são banners pop up: são banners que abrem como janelas, possuem diversos formatos e opções de configuração visual, que podem abrir em qualquer página de navegação, como o seu site por exemplo.

Os banners pop up podem ser grandes aliados de conversão. Se você já os utiliza mas gostaria de aprimorar suas técnicas, ou se gostaria de começar a utilizar esse método, é bem simples, a gente te esclarece tudo isso nesse texto, logo abaixo!

Como funcionam os banner pop up?

Para começar, você precisa entender como funcionam os banners pop up. De uma forma simplificada, podemos dizer que os banners pop up são como um chamariz para o que você quer comunicar na sua vitrine, neste caso, seu site.

Eles aparecem de acordo com o que sua estratégia for planejada, podendo ser diferentes dependendo do que o usuário fizer dentro do seu site. 

Um exemplo prático: vamos supor que no seu site entre o Usuário X, ele permanece por um certo tempo na página inicial e está procurando informações sobre o que você está vendendo. Ele escolhe um produto mas não finaliza a compra, deixando o produto no carrinho, e então ele volta à página inicial e fica mais algum tempo procurando outras informações. Neste momento, você pode programar um banner pop up para incentivá-lo a retornar ao carrinho e finalizar a compra. 

Esse é apenas um exemplo do que pode ser feito com banner pop up. Mais a frente neste mesmo texto, vamos descrever e aprofundar sobre todas as oportunidades que o banner pop up pode te oferecer.

O que você pode fazer com os banners pop up?

Existem diversas possibilidades que você pode utilizar os banners pop up a seu favor, uma delas já citada acima. No decorrer deste texto você vai aprender mais sobre.

Separamos ideias para você se inspirar e utilizar no seu negócio:

  • Ofereça suas ofertas e novidades com os banners pop up de promoção.

Você pode criar uma oferta incrível, que faça sentido para o seu público, e para ajudar na divulgação, é interessante que utilize a chamada no banner pop up. Depois de alguns segundos que o usuário estiver dentro dele, mostre o banner pop up e o incentive a aproveitar a oportunidade.

  • Aumente sua base de contatos usando banners pop up de inscrição.

Se o seu objetivo for criar uma base sólida, para que você consiga disparar campanhas com mais qualidade, essa é a hora de utilizar banners pop up de inscrição. Eles funcionam com um formulário simples, os quais você pode escolher que dados quer coletar, para que futuramente você consiga enviar conteúdos das suas campanhas.

  • Faça com que os usuários falem com você, aproveite os banners pop up do WhatsApp.

O WhatsApp é o aplicativo mais acessado do Brasil, e claro você deve aproveitar essa oportunidade para abrir mais um canal de comunicação com o seu público. Marque presença utilizando um banner pop up que instiga o início da sua comunicação com o usuário, escolha para qual número as mensagens serão enviadas e facilite o contato.

  • Meça a reputação da sua marca com banners pop up de NPS

NPS é fundamental para que o seu negócio caminhe sempre em direção ao sucesso. Combinar essas duas ferramentas é essencial para atingir um bom resultado. Utilize o banner pop up com perguntas rápidas para aprimorar o seu NPS, deixando mais prático para o usuário.

  • Convide os usuários a visitarem seus eventos com banners pop up de Zoom, Meet e video.

Se sua marca cria eventos online, e gostaria de que quem acessa seu site conhecesse esses eventos, chegou a hora! Utilizar banner pop up para direcionar os acessos até o seu evento. Você pode inserir um vídeo de apresentação para chamar mais atenção, com um botão que direciona até onde você quiser.

  • Aumente a expectativa com os banners pop up de contagem regressiva.

Se você está criando uma promoção relâmpago, utilize o banner pop up com uma contagem regressiva e faça com que os usuários ativem o gatilho de urgência para aproveitar essa oportunidade. Personalize de acordo com o que você acha que faz mais sentido para sua estratégia.

Esses exemplos podem parecer complicados de se fazer, mas com a plataforma certa e em poucos cliques, você pode desenvolver campanhas de banner pop up rapidamente, e claro, muito mais eficientes.

4 dicas valiosas para utilizar banner pop up

Agora que você já sabe o que é e aprender quais as possibilidades que você pode utilizar o banner pop up, chegou a hora de apresentar 4 oportunidades para que você utilize os banners pop up com maestria. 

1º Integre campanhas de e-mail ou SMS com os banner pop up.

Você pode utilizar suas campanhas ativas de e-mails para funcionarem em conjunto com os banner pop up, integrando mais um canal de comunicação, fazendo com que sua campanha tenha muito mais força e atinja números superiores.

2º Personalize conforme a navegação.

Você pode criar banners pop up diferentes para cada URL do seu site, ou seja, em cada página você pode indicar ou chamar a atenção do seu usuário. Esse tipo de personalização traz muito mais interatividade com o seu público e pode ser útil na mudança de comportamento do usuário.

3º Teste A/B para os seus banners pop up.

Não se esqueça de que o teste A/B é essencial para o desenvolvimento de campanhas mais assertivas, e claro, geração de resultados. É interessante que escolha para quais pessoas você pode mostrar seus banners, tirando dados de utilização mais completos, para que você possa aprimorar cada vez mais suas estratégias.

4º Seja criativo.

Esse é o momento de você utilizar toda criatividade a seu favor, utilizando chamadas diferentes. Você tem a possibilidade de utilizar GIFs e imagens para auxiliar na sua chamada. Diferente das notificações push, que já é uma ótima estratégia para chamar atenção para a sua campanha, você fica livre e aberto para utilizar outros artifícios visuais e complementar sua comunicação.

Você deve estar se perguntando como fazer essas dicas acontecerem, ou então, qual a complexidade para desenvolvê-las no seu negócio. O segredo está na ferramenta que vai utilizar para desenvolver campanhas excelentes.

Bom, aqui vai uma dica extra: utilize a ferramenta correta para criar boas campanhas de banner pop up. A emBlue é a ferramenta ideal para você virar de uma vez por todas omnichannel, integrando os banners pop up, pelo OnSite, com todas as suas outras comunicação, facilitando seu dia a dia com uma automação simples de ser realizada. Se você se interessou nessa oportunidade, clique no botão abaixo e descubra o que mais a emBlue pode fazer pelo seu negócio!

Como não se perder em meio a tantas métricas no marketing digital?

As métricas do marketing digital podem, através do estudo do comportamento do usuário, mostrar informações preciosas e importantes para saber se a ação está indo bem ou não.

Mas sabemos que são tantas métricas de marketing que pode complicar e deixar confuso ou em dúvida sobre qual delas escolher e quais podem não fazer tanto sentido assim para a realidade do seu negócio.

Fique tranquilo, esse texto vai te dar um norte sobre quais métricas você precisa dar mais atenção. Confira abaixo!

Primeiro passo: defina, mensure e acompanhe suas métricas de marketing

Existem hoje diversas ferramentas que te ajudam a obter o resultado das métricas de marketing. Não tem como ficar sem essas informações nos dias atuais, certo? 

As métricas de marketing te ajudam a alcançar alguns objetivos:

  • Crescimento nas suas vendas

Para aumentar suas vendas, você precisa criar ações e conteúdos que instiguem o usuário a querer comprar seu produto ou serviço. Mas como saber quais ações estão indo bem? As métricas se tornam grandes aliadas nesse caso, com todos os estudos feitos sobre elas, você pode ver o que dá mais resultado com o seu público.

  • Visitas no seu site, blog ou páginas

Se a intenção é gerar visitas ou acessos, a estratégia pode ser feita de acordo com as suas ações, mas no período de testes é importante pegar esses resultados testados e transformar em acessos. Novamente as métricas se mostram como aliadas, utilizando-as da forma correta, você certamente consegue atingir esse objetivo.

  • Geração de leads;

Quando falamos de geração de leads, sabemos que existem muitas estratégias que ajudam nesse processo, desde organicamente até com investimentos. Mas, abordando mais na intenção de investir, utilize as métricas para balancear se o retorno desse investimento está sendo saudável e sustentável. Com o estudo das métricas ideais, você pode investir mais ou menos nas diferentes ações que planejou, gerando maiores resultados.

  • Duração maior na vida útil do cliente;

Para acompanhar a trajetória do cliente, desde sua primeira compra, até quanto tempo ficou sem comprar, as métricas podem auxiliar nesse processo. Imagine que um cliente que compra a muito tempo com você, passa a não comprar mais nada, com o estudo das métricas, você pode reaquecer as vendas para esse cliente e caso seja necessário reinvestir na atenção dele para o seu negócio.

  • Identificar e implementar melhorias nos processos com base na análise de dados;

Como todo estudo e análise, você obtém resultados. Esses resultados podem te auxiliar a identificar e melhorar seus processos, ações e estratégias. Não é diferente com as métricas, que são muito importantes para a melhoria de qualquer tomada de decisão. Analisar os dados é só o primeiro degrau, existem muitos outros para colocar melhorias, mas saber os resultados é o principal, para se trabalhar em cima disso.

Com as métricas de marketing, você pode saber o alcance que sua ação está tendo, como por exemplo no caso de e-mail marketing, os dados irão te mostrar taxa de abertura, conversão, cancelamento de inscrição e até mesmo encaminhamentos.

Nesse caso, como vimos até agora, as métricas de marketing são essenciais para que haja organização e planejamento para potencializar os resultados e elevar a performance de vendas a cada mês, identificando rapidamente erros e acertos.

Como definir as principais métricas de marketing?

Chegamos no ponto chave desse texto. Saiba que é quase impossível utilizar todas as métricas ao mesmo tempo, você pode se perder com a grande quantidade de dados.

Aqui chega a hora de definir as métricas principais, para que o objetivo estipulado seja alcançado. Nesse caso, o melhor caminho é escolher a ferramenta de métrica correta.

Se o objetivo for aumentar engajamento nas redes sociais, o ideal é escolher a ferramenta que te dá mais informações, e existem muitas excelentes no mercado.

Mas se o objetivo é mensurar os resultados das suas estratégias de omnichannel, então uma outra ferramenta é aconselhada a ser utilizada nesse caso. Indicamos a emBlue para te ajudar nesse serviço.

Com uma boa organização e um planejamento ideal, você pode definir os objetivos de vendas, para aumentar sua receita com as estratégias estipuladas. 

O importante é saber onde você pretende chegar com as métricas de marketing, escolher a ferramenta correta para isso e então ficar mais próximo de alcançar um bom desenvolvimento de marketing para conquistar o sucesso esperado pela empresa. 

Uma dica de ouro: muitas vezes, é melhor que seja explorado profundamente uma ou duas métricas, do que tentar utilizar várias ao mesmo tempo, e então não conseguir realizar um bom trabalho.

Agora que você já sabe como começar a utilizar essas métricas, o próximo passo é escolher uma ferramenta que engloba e mantém todos os seus canais de comunicação unificados, te dando os resultados e relatórios necessários para analisar as métricas. Nesse caso, conheça o que a emBlue pode fazer por você para o seu marketing decolar!

Como fazer omnichannel em 2022?

Você já ouviu falar em omnichannel, mas não entende do que se trata? Quer descobrir o que é e como implementá-lo na sua estratégia de marketing digital? Leia este post e descubra tudo o que você precisa saber para alcançar clientes como nunca antes em 2022.

O que é omnichannel?

Omnichannel é uma técnica de marketing digital que coloca os clientes no centro, gerenciando a comunicação com eles de forma consistente por meio de diferentes canais e, assim, oferecendo uma experiência homogênea. Consiste em integrar todos os canais de atendimento, tanto online quanto offline: e-mail, telefone, redes sociais, web chat e lojas físicas devem fazer parte de uma boa estratégia omnichannel.

A transformação digital não apenas multiplicou as ferramentas disponíveis, mas também modificou os hábitos e as demandas dos usuários. Estes, cada vez mais, buscam respostas rápidas e eficazes por meio de diversos canais, podendo iniciar suas interações por e-mail e buscando concluí-las por meio de chat online.

Foi assim que o omnichannel surgiu como a forma ideal de responder a estas necessidades, integrando múltiplos canais, oferecendo respostas personalizadas de todos eles e melhorando a forma de chegar aos clientes. A prioridade é colocá-los no centro e fazer com que concluam seus processos.

Criar um ecossistema fluido, homogêneo e sem atritos é um dos principais objetivos que o omnichannel deve perseguir. E o primeiro passo nesse caminho é garantir que as informações prestadas em todos os pontos de venda sejam consistentes e homogêneas, não apenas para os usuários, mas também dentro da empresa.

Isso mesmo: trabalhar a cultura interna é o segredo de qualquer estratégia omnichannel se quisermos oferecer respostas precisas aos usuários.

Por que implementar uma estratégia de marketing omnichannel?

O omnichannel deu muito o que falar nos últimos dois anos e sem dúvida será uma das tendências de 2022 em termos de marketing digital. E é a forma ideal de oferecer uma experiência única e positiva ao usuário, aumentando sua fidelidade e posicionando uma marca no mercado.

Otimizar todos os canais pelos quais os usuários interagem também significa que eles poderão fazer suas compras em todos eles e, como você pode imaginar, suas vendas aumentarão. Para isso, é fundamental que seus clientes encontrem as mesmas mensagens e facilidades, independentemente do canal que escolherem.

Por outro lado, você poderá identificar as preferências do usuário e gerar medições abrangentes para obter dados precisos sobre seu comportamento. E usar a automação de marketing para fazer envios automáticos nos pontos mais convenientes do mapa de jornada do cliente (o caminho que o cliente percorre com seu e-commerce).

Com uma estratégia omnichannel que usa automação de marketing, você não apenas economizará tempo e recursos, mas também receberá mensagens personalizadas e conversas mais relevantes. Nada mal, hein?

Quais são os canais de uma estratégia omnichannel?

Redes sociais, e-mail, chats online… Na última década, diversificaram-se os canais através dos quais as marcas chegam aos seus clientes e comunicam as suas mensagens. E agora, no início da década, conhecer cada consumidor e atingi-lo de forma personalizada aparece como um dos grandes objetivos de todo e-commerce.

Os usuários estão cada vez mais preocupados com suas informações e procuram decidir a quem as oferecem para escolher as mensagens que chegam até eles. Por isso é tão importante que as empresas sejam mais transparentes do que nunca sobre as informações que recebem e, mais ainda, sobre o que fazem com elas.

O omnichannel chegou para transformar as comunicações e as plataformas pelas quais as marcas se conectam com os consumidores continuam se multiplicando. De acordo com as estatísticas de marketing omnichannel desenvolvidas pela agência Clickz, a frequência de compra alcançada graças às estratégias omnichannel foi 250% maior do que as estratégias de canal único. Por sua vez, a taxa de retenção de clientes foi 90% maior. O que está acontecendo? Eu deixei você com a boca aberta?

Faça da criatividade parte da sua estratégia omnichannel

Salvador Dalí disse que “não se deve temer a perfeição… porque nunca a alcançará”. E se lhe dissermos que você não deve temê-lo, mas pode alcançá-lo? Se cada pessoa é um mundo, o omnichannel permite que você alcance cada uma delas da melhor forma. Mas para isso você deve ousar ser original ao pensar em sua estratégia e em suas comunicações para 2022.

Os usuários recebem um grande número de mensagens todas as semanas através de diferentes canais, então a primeira coisa que você deve pensar é fazer com que a sua atraia a atenção. Sem dúvida, isso o colocará um passo à frente da concorrência e as chances de aumentar suas vendas serão muito maiores.

Você usará o marketing por e-mail para enviar e-mails com ofertas para seus usuários? Bom: certifique-se de pensar em um assunto que se destaque. Você usará notificações push? Excelente! Inclua imagens ou animações. Outra grande ideia? Seja claro com quem você está falando e use termos e expressões apropriados que o aproximem de seu público. Você verá que tudo isso fará a diferença!

Mais uma coisa! Se você realmente quer surpreender os usuários, seja para ter mais assinantes, para oferecer promoções ou até mesmo para convidá-los a entrar em contato com você no WhatsApp, os banners pop-up podem ser a sua resposta. Você já sabia tudo o que pode alcançar graças a eles? Descubra!

O cliente vem em primeiro lugar

Uma das melhores maneiras de alcançar o cliente é fazê-lo se sentir importante: ninguém gosta de ser um em um milhão quando recebe uma mensagem. Por isso, ter mensagens personalizadas e relevantes é fundamental e, para alcançá-las, uma ótima ideia é aproveitar todas as informações que você tem sobre cada consumidor.

O poder do “toque pessoal” é primordial na era digital, e graças ao omnichannel é possível gerar novas conversas e recuperar clientes que pareciam perdidos. Sejam e-mails, mensagens SMS ou telefone, sempre haverá uma maneira de se conectar com os usuários de acordo com suas necessidades.

Preparar-se para esta tendência não é importante, mas essencial. Omnichannel é o presente e o futuro. Aproveitá-la é mais do que uma boa ideia: é a forma ideal de aumentar suas vendas, atender e fidelizar seus clientes e fazer seu negócio decolar.

10 razões para incorporar a automação de marketing em sua estratégia

É um fato: Automação de Marketing é a tendência do momento. Porém, sabemos que muitas empresas ainda não o consideraram em sua estratégia. As razões para não fazer isso incluem falta de conhecimento e crença equivocada de que é muito complexo para implementar. Hoje vamos dizer quais são os principais motivos para levar isso em consideração.

É natural sentirmo-nos fora do nosso elemento quando nos deparamos com um novo conceito. Se você está apenas aprendendo sobre a existência do Automação de Marketing você pode sentir alguma incerteza. Você pode se perguntar o que é e, acima de tudo, por que é relevante para o seu negócio. É precisamente para isso que estamos aqui. Vamos tirar essas dúvidas a seguir.

O que é automação de marketing?

75% de todas as empresas no mundo já usam algum tipo de automação de marketing. Isso nos mostra que as empresas estão respondendo à tendência. A partir disso também podemos inferir que não faltam os motivos para incorporar esse tipo de ferramenta em todas as empresas.

Mas não vamos nos precipitar. ✋ O mais importante primeiro: O que é automação de marketing? De um modo geral, é a utilização de uma ferramenta que permite automatizar diversas atividades relacionadas com o marketing de um negócio e as interações com os seus utilizadores.

Se expandirmos o conceito, também podemos dizer que Marketing Automation é um software e outras tecnologias que ajudam as marcas a:

  • Colete dados do usuário.
  • Otimize as interações com leads e clientes.
  • Fortalecer a estratégia omnicanal graças à integração com diferentes canais de contato como e-mail, site, SMS, WhatsApp, redes sociais, chats, entre outros.
  • Classifique leads por meio da pontuação de leads.
  • Segmente clientes em potencial para nutri-los por meio de conteúdo relevante.
  • Acompanhe os usuários com conteúdos vinculados aos seus interesses.
  • Oriente-os até que se tornem clientes e, por fim, promotores da marca.

A automação de marketing é, então, um metodologia que usa tecnologia para ajudar as empresas a automatizar todos ou a maioria de seus processos de estratégia. Entre eles, já mencionamos a coleta de dados do usuário, segmentação, automação de fluxos de comunicação ou workflows, criação de leads e gerenciamento de campanhas, entre outros.

O objetivo da automação de marketing, como você pode ver, é acompanhar e orientar leads durante a jornada do cliente. Ou seja, conduza-os na jornada que fazem pela experiência de se vincular à marca até atingirem a conversão desejada.

Automação de marketing: 10 razões para incorporá-lo em sua estratégia

Os tempos mudam, a tecnologia avança. Em diversos setores existem softwares específicos desenvolvidos para agilizar procedimentos e melhorar o dia-a-dia. Por exemplo, sistemas de contabilidade digital, plataformas de gerenciamento ou software de recursos humanos. Mas, em marketing, até poucos anos atrás, não existia uma solução abrangente e ao mesmo tempo específica para agilizar processos e melhorar o dia a dia da área. Não havia, até a automação chegar ao marketing.

Existem muitos motivos para adotar essa metodologia dentro de uma empresa. Independentemente de seu tamanho, todas as empresas, grandes ou pequenas, precisam automatizar atividades dentro de sua estratégia de marketing. Por este motivo, iremos informá-lo abaixo 10 razões para incorporar a automação de marketing em sua empresa.

Nº 1 Conhecimento profundo do seu público-alvo

Saber o que não funciona em sua estratégia é muito valioso para a melhoria contínua. Só então você pode obter os resultados desejados em suas ações de marketing. Mas a verdade é que, para chegar a esse ponto, primeiro você precisa saber em detalhes com quem está lidando. Quer dizer, conheça seu público, leads e clientes em profundidade. Quanto você sabe sobre eles? Você acha que tem informações suficientes?

A automação de marketing permite reúna dados de usuários que interagem com sua marca , registrar cada uma das ações realizadas em cada etapa de sua jornada. Então você pode crie um perfil sólido para cada lead , onde, além de suas informações de contato e informações demográficas, você pode saber como ele interage com sua empresa e quais são os interesses dele.

# 2 Projeto Adequado da Jornada do Cliente

Sem dúvidas, quanto mais você conhece seu público, melhor experiência de marca pode oferecer. E isso naturalmente se traduz em um design de viagem do cliente muito mais adequado. Podemos dizer que é um tour personalizado, feito sob medida para seus leads e clientes.

Tem em conta que cada etapa que o usuário realiza neste processo é conhecida como microconversão. Isso é o que aproxima o cliente em potencial de a conversão mais importante: comprar um produto. Portanto, a transformação desse lead em cliente. Para chegar a este ponto, é fundamental otimizar cada parte da jornada e automação de marketing pode ser de grande ajuda nesse sentido.

Como já dissemos neste artigo, técnicas baseadas em automação permitem a definição de interações em cada uma das etapas da jornada do usuário. Isso é feito por meio de mensagens relevantes que ajudam a orientá-los.

# 3 Melhor segmentação de sua base de contatos

Muitas empresas têm produtos diferentes e, portanto, existem públicos diferentes para cada um deles. Por outro lado, a jornada do usuário nem sempre é a mesma, portanto, é a chave para fazer um segmentação base de contato apropriada. Isto implica agrupe-os de acordo com seus critérios compartilhados : características, interesses e consumos ou comportamentos.

Ao tomar uma decisão de compra, o consumidor atual escolhe as marcas que o alcançam com a mensagem certa, no momento preciso em que precisa. Tudo isso é o que a automação de marketing permite.

Nº 4 Oferecer conteúdo relevante para seus leads

Se você conseguir segmentar corretamente sua base de contatos, também poderá personalizar suas comunicações. Isto é entregar conteúdo relevante para cada grupo de usuários. Ao conhecer seu público, você pode criar uma experiência única para cada usuário com base em seu comportamento.

Isso vai permitir que você gere um link com seus clientes potenciais e construa relacionamentos de médio e longo prazo. Durante esse tempo você poderá educar e nutrir esses usuários com conteúdo relevante, até que tenham a maturidade necessária para finalizar a compra.

Nº 5: Impacte os usuários com mensagens na hora certa

Muito do que acontece em sua estratégia de marketing é uma questão de ritmo, interagir com os usuários em tempo hábil . Quando seria isso?

Se voltarmos ao conceito de Jornada do Cliente, entendemos que o importante é olhe para a experiência total do usuário. Portanto, devemos considerar toda a sua trajetória, incluindo aspectos-chave como: em quais canais você interage, como e quando. Desta forma, você saberá quando impactar seus leads para levá-los à conversão.

Isso é algo que você também pode conseguir com a automação de marketing. Lembrando que esta metodologia permite conhecer melhor o seu público, desenhar um tour personalizado e estar presente quando o usuário estiver pronto para avançar no processo de compra.

Nº 6 Alcance omnicanal

o omnicanal é proporcionar uma experiência consistente e homogênea em todos os canais em que sua marca está presente. O objetivo desta estratégia é inicie conversas eficazes com seus clientes potenciais e clientes , além do canal utilizado ou escolhido por eles.

Atualmente, você pode enviar comunicações por meio de diferentes plataformas: marketing de email , SMS, seu próprio site e redes sociais, para citar alguns exemplos.

Mas estar presente em todos esses canais e garantir interações de qualidade para seu público é muito importante automatize suas ações. Isso permitirá que você aumente a eficiência e reduza os erros.

A automação de marketing ajuda você a manter a mesma conversa com seus clientes em potencial e clientes por meio de diferentes canais. Assim, você pode acompanhá-lo ao longo de sua jornada de compras.

Nº 7 Medir resultados

KPI, também conhecido como Indicador-Chave de Desempenho ou simplesmente, indicador chave, permite medir o desempenho de um processo vinculado a um objetivo específico. Por meio desses indicadores, você poderá saber mais exatamente se sua estratégia está funcionando bem ou se você precisa fazer algumas alterações.

Precisamente, por meio de uma ferramenta de automação de marketing, você pode rastreie e monitore todas as ações que você realiza com cada segmento de sua base de contatos. E tudo isso graças às métricas que você pode usar no processo.

Nº 8 Obtenha melhores dados e tome melhores decisões

“O que não pode ser medido não pode ser melhorado”, Foi o físico britânico William Thomson Kelvin quem disse esta frase. Hoje, ela funciona como uma lei fundamental para muitas empresas ao redor do mundo. É para isso que servem as métricas, para medir e precisamente, para obter dados que permitem tomar melhores decisões e, assim, otimizar seus resultados .

Graças à automação de marketing dados agora são protagonistas. Você pode saber em tempo real como os usuários se comportam em relação às suas ações de marketing e, com essas informações, aprimorar o que for necessário.

# 9 Economize tempo e aumente a eficiência

Saber o que funciona e o que não funciona em relação às suas campanhas de marketing ajuda a evitar dar passos em falso. Isso permite que você evite perder tempo com ações que não levam aos resultados desejados. Quer dizer, você pode aumentar a eficácia de suas ações.

Além disso, ao automatizar o marketing em sua empresa, você economiza muitas das tarefas repetitivas que consomem grande parte do seu tempo e o de sua equipe. Por outro lado, você também pode otimizar o tempo adiantando-se e agendando campanhas com antecedência.

# 10 Trabalho coordenado entre marketing e vendas

Para muitas empresas, a integração entre as equipes de marketing e vendas pode parecer complicada. Porém, à medida que o usuário evolui e seus hábitos de consumo se transformam, o ciclo de compra torna-se cada vez mais complexo. Portanto, é necessário o trabalho coordenado de ambas as áreas.

Automação, graças ao seu pontuação, permite que você atribua leads a equipes de vendas. São usuários que estão prontos para a conversão, que podem ser acompanhados desde a área de vendas para conduzi-los até a compra.

Exemplos de automação de marketing

Já te demos a teoria, você pode dizer que conhece a Automação de Marketing. Agora, vamos passar para os exemplos práticos, para reforçar ainda mais o conceito. Lembre-se de que, como mencionamos antes, o marketing pode ser automatizado em todo o ciclo de vida do cliente e em vários canais. Portanto, esta metodologia contribui com seu grão de areia para que sua estratégia seja cada vez mais omnicanal.

Compartilhamos dois exemplos claros de automação de marketing para que você tenha maior clareza sobre esta ferramenta.

Automação de marketing – sequência de boas-vindas

As mensagens de boas-vindas estão entre as comunicações automatizadas mais importantes . Isto é porque capturar a maior atenção do usuário , como já dissemos em esta nota. No entanto, não se limita a um único e-mail ou SMS.

Além de “Oi, como estão as coisas” , o que você deve entender é que eles são as primeiras etapas na jornada do usuário. Portanto, você deve orientá-lo para seguir em frente. E nada como um sequência de boas-vindas automatizada para conseguir.

Suponha que o usuário visite uma loja online e assine a lista de enviando e-mail, para o qual, deixe seus dados de contato por meio de um formulário. Então e imediatamente, o comércio eletrônico envia uma mensagem de boas-vindas que chega diretamente na sua caixa de entrada. O assunto não termina aí. Nos dias seguintes, a loja envia outro e-mail oferecendo um desconto de 25% como presente de boas-vindas.

O melhor de tudo é que quem está por trás da empresa não precisa se sentar e digitar rapidamente essas mensagens manualmente. Imagine fazer isso com cada novo lead que você gerar!

Em vez disso, essas comunicações já faziam parte de um fluxo de trabalho destinado a enviar uma série de e-mails de boas-vindas a um determinado segmento de usuários .

Automação de marketing: carrinho abandonado

Alguns insights podem ser assustadores, por exemplo, se falamos de lojas online, as estatísticas dizem que, em média, 70% dos usuários abandonam o carrinho de compras sem concluir a transação. Isso não é uma boa notícia, no entanto, diante disso, há uma alternativa: recuperar algumas dessas transações por meio da automação de marketing .

Como? Muito simples. Assim que o cliente sai do carrinho, um e-mail é enviado com os detalhes da transação que não foi concluída. Isso significa que os produtos que você não comprou estão listados. Caso você não abra o e-mail após um dia, você pode fazer um envio de reforço.

Esses tipos de fluxos são usados por empresas que vendem seus produtos por meio de um comércio eletrônico. Lembra que da emBlue oferecemos integrações nativas com qualquer sistema que sua empresa usa. Por exemplo, VTEX ou Magento, entre outros. Saiba mais sobre nossas integrações .

Acreditamos que você já tenha uma noção muito mais clara de Automação de Marketing. Agora você sabe todas as razões pelas quais deve considerá-lo em sua estratégia. Gostaria de conhecer uma ferramenta de automação completa para o seu negócio? Descobrir emBlue !

Perguntas frequentes sobre automação de marketing

O que é automação de marketing?

o automação de marketing é a estratégia de marketing digital que busca automatizar respostas na forma de mensagens ou ações para cada interação do usuário com uma marca.

Para que serve a automação de marketing?

Principalmente, serve para aumentar as conversões e reduzir o tempo de implementação da campanha. Você só precisa definir qual ação do cliente terá uma reação de sua marca e fazer as integrações corretas.

Quais são os melhores aplicativos de automação de marketing?

Existem muitos exemplos de aplicações concretas de automação de marketing:

  • Venda cruzada.
  • Vendendo.
  • Carrinho abandonado.
  • Atribuição de contatos a grupos.
  • E-mails de boas-vindas
  • Envio de SMS.

O que é email marketing automatizado e quais as vantagens que ele traz para o seu negócio?

Quando você já sabe que as vantagens de marketing de email no seu negócio eles são enormes, é hora de se perguntar: O que acontecerá se dermos um passo adiante e implementarmos o marketing automatizado por e-mail ? Quer economizar tempo e melhorar sua estratégia digital? Toque!

O que é marketing automatizado por email?

o e-mails automatizados são aquelas remessas que são ativadas automaticamente por um gatilho ou gatilho predeterminado ou com um evento especial baseado na interação do usuário em qualquer uma de nossas plataformas digitais: site, loja online, aplicativo ou e-mail.

Se, por exemplo, um novo cliente se inscrever em nosso site para receber notícias de um desconto, podemos enviar-lhe um e-mail de boas-vindas e com o código para inserir seu cupom promocional sem precisar clicar! Isso é o que marketing de email automatizado: otimiza e acelera 100% um estratégia omnicanal

Bem, bem, até agora muito claro, mas … É bom apenas para isso? Que outro tipo de e-mail posso automatizar? E se eu quiser automatizar para um dia e data específicos? Posso enviar mensagens para reter clientes? “

Vaaaaaya, essas são muitas perguntas. Mas não se preocupe, pois agora vamos a esse assunto: vamos ver todas as possibilidades que a automação oferece para o envio de emails

Tipos de e-mails de marketing automatizados

A diferença entre os diferentes tipos de e-mails automatizados é dado principalmente pelo ativador do fluxo de trabalho ou fluxo de trabalho. Ou seja, a ação ou contexto que começará a enviar o e-mail para o (s) usuário (s):

Remessas de automação de acordo com data e hora

São aqueles emails cuja data e hora de envio podem ser posteriores ao momento em que a campanha foi criada. O momento exato em que a comunicação deve ser enviada é pré-determinado, com as variáveis de conteúdo consideradas necessárias.

Exemplos de remessas programadas automatizadas.

  • Remessas exclusivas com data estabelecida.
  • Remessas em datas especiais e recorrentes, como aniversários e eventos, como o Dia das Mães.
  • Remessas mensais com anexos como extratos de cartões de crédito ou apólices de seguro.

Remessas automatizadas com base em interações.

Aqui falamos sobre remessas de e-mails que são disparados automaticamente de acordo com certas ações que o usuário pode realizar em um site, antes de um banner pop-up ou até mesmo em outro e-mail.

Essas interações irão ativar diferentes gatilhos ou eventos e, além de executar o envio do e-mail, podem ativar outras funcionalidades em paralelo. Com o emBlue você pode segmentar seus contatos criando grupos de contatos com a variável de sua escolha e automatizar ações específicas de acordo com suas interações.

Exemplos de remessas automatizadas por gatilhos ou eventos:

  • Remarketing: De acordo com as compras anteriores de um usuário, nós podemos automatizar enviando um e-mail por um tempo específico após a sua compra Lembrar Venda cruzada e venda para cima ? Apenas clique Já sabemos que dentro de X tempo -que pode ser 2 ou 3 semanas- um e-mail chegará oferecendo-lhes um produto complementar ou superior o que eles já compraram.

  • Carrinho abandonado: embora seja parte do remarketing , dada a sua importância e eficácia, merece uma explicação mais detalhada Com as remessas de carrinhos abandonados, você pode lembrar seus potenciais compradores indecisos de finalizar a compra, incluindo no e-mail o produto que eles não concluíram a compra E porque não oferecer um desconto para incentivá-los!

    Com o emBlue Web Tracking, é mais fácil vincular seu site às suas campanhas de email marketing. Saiba quais páginas ou seções de seu site o usuário visitou, marque-as na base de contatos e planeje uma comunicação automática com conteúdos relevantes de acordo com sua navegação.

  • Remessas com informações de nome de usuário e senha ao se registrar em seu site.

  • Envio ativado de acordo com a interação com outros e-mails: Se abriram seu e-mail significa que algo despertou interesse, espere alguns dias e envie outro, com mais informações. Se, por exemplo, seu e-mail mostrava as categorias de seus produtos, e o usuário clicava em “Tênis”, você pode adicioná-los automaticamente a uma lista de interessados em calçados E você sabe sobre o que será o próximo e-mail!

Vantagens do marketing por e-mail automatizado

Usar automação em suas conversas com clientes fará com que seus resultados decolem Sem a sua intervenção! Saber mais sobre seu cliente o ajudará a saber com antecedência quais são as interações que merecem uma resposta de sua marca principalmente para economizar tempo na criação e manipulação de campanhas. !Mas isso não é tudo! Com as integrações corretas poderá personalizar a sua conversa a 100%, para que seja mais relevante e tenha impacto em cada cliente É assim que você obterá o efeito WOW! de sua estratégia omnicanal.

Economizar tempo

R Você pode imaginar o envio manual de um e-mail sempre que for dar as boas-vindas a um usuário? Certamente não, certo? Com a automação você poderá configurar de uma vez por todas qual será a mensagem que será enviada a cada novo registro e escolher as variáveis que usará para personalizar mensagem de boas-vindas.

Quer agradecer uma compra ou enviar informações detalhadas sobre a logística de envio? Você precisa de uma resposta rápida para reverter uma pontuação ruim em seu Pesquisa NPS? Não sabe como persuadir o usuário que visitou seu site e saiu sem comprar? Para todas essas perguntas, a automação é a resposta: otimizar o tempo de trabalho fará com que você alcance seus objetivos com mais rapidez.

Integre vários canais

O poder da automação é ainda maior com integrações nativas ou personalizadas. Você pode vincular sua conta ao seu site de comércio eletrônico e site, campanhas de mídia social e CRM que você usa. Para todas essas interações, uma resposta personalizada de sua marca.

Com a integração emBlue com Facebook, você pode acionar um envio automático para cada pessoa que preencher um formulário em seus anúncios. Dessa forma, você evitará o download e a limpeza de planilhas do Excel.

Se, por exemplo, você tem um e-commerce, pode vinculá-lo à sua conta emBlue e planejar uma estratégia desde um carrinho de compras abandonado, até o envio de descontos para compras futuras.

Personalize cada mensagem

Todos gostamos de ser chamados pelo nosso nome, e mais ainda para que conheçam os nossos gostos.

Imagine que o seu usuário visite a seção “Calçados esportivos” do seu site, mas depois de ler toda a descrição e informações de um calçado, ele não efetua a compra e sai Você perdeu a venda? Claro que não! Sua estratégia está apenas começando.

Com a automação, você pode definir o tempo de espera para enviar um e-mail e recuperar aquele cliente em potencial. Na mensagem, você pode incluir um resumo do produto que visitou e um cupom de desconto ou benefício de frete grátis, por exemplo:

“Lucas, leve com você com desconto.
Vimos que você estava interessado no sapato XXX em nosso site e achamos que você não pode perder!
Vá buscá-los agora com 10% de DESCONTO e frete grátis! “

Com a automação você poderá personalizar as mensagens e individualizar o usuário. Escolha as variáveis de que você precisa E deixe a mágica acontecer!

Segmente para impactar

Com a marketing automatizado por e-mail A partir do emBlue, você pode direcionar suas conversas para contatos novos e existentes, de acordo com seus interesses.

Crie grupos de Contatos , peça-os com Tag e rótulos de acordo com a interação com outros e-mails para criar uma estratégia de conteúdo de acordo com o produto que você oferece. Desta forma, suas campanhas terão mais impacto em comparação com mailings em massa sem critérios particulares e mensagens padrão.

Se você enviar um boletim informativo, onde mostra diferentes tópicos e cada um leva a uma nota no seu blog, você poderá saber em qual categoria o seu cliente clicou e a partir desse clique atribuir uma tag de interesse, por exemplo “ambiente”. Você vende um produto relacionado a esse tema? Bem, você já sabe qual será o seu próximo envio

Você quer testar o poder da automação em sua estratégia? A equipe emBlue pode ajudá-lo a implementá-lo e orientá-lo para alcançar os resultados

Conheça automação

Perguntas frequentes sobre marketing automatizado por e-mail

O que é marketing automatizado por email?

o marketing automatizado por e-mail é o envio massivo de e-mails para diferentes contatos, ativados por gatilhos ou gatilhos que geralmente incluem aspectos personalizáveis da mão de segmentação de banco de dados.

Quais são as vantagens da automação de e-mail?

  • Economize tempo enviando campanhas.
  • Possibilidade de segmentação para individualizar
  • Personalização de mensagens para serem mais relevantes
  • Acesso a métricas
  • Criação de fluxos automáticos baseados em interações

✅ O que eu preciso para automatizar as correspondências?

Para começar sua estratégia automação de marketing por e-mailDeve primeiro criar a sua conta no emBlue, escolher o plano adequado de acordo com os objetivos que tem no seu negócio. Ter um remetente habilitado para envio é essencial, então nossa equipe de sucesso do cliente irá guiá-lo na configuração de sua conta e criação de fluxos.

O que é e-mail e como incluí-lo no seu negócio?

O e-mail está em nossas vidas há muito tempo, antes mesmo da criação da internet. Porém, está mais atual do que nunca, pois se tornou uma das ferramentas mais utilizadas pelas empresas. Do que se trata? Um que oferece a possibilidade de construir um relacionamento com os usuários e, assim, aumentar as oportunidades de vendas e fidelização. Para fazer isso, a chave está em uma estratégia conhecida como enviando e-mail .

O que é enviar e-mail?

O emailing é uma estratégia que consiste em enviar emails em massa para uma lista de contatos. Essas mensagens servem, entre outras coisas, para informá-lo das últimas novidades sobre o negócio, como lançamentos, promoções, eventos, etc. Sobre tudo, Eles são uma peça-chave de comunicação bidirecional para manter e consolidar o relacionamento com clientes potenciais e clientes.

Por que o e-mail? Você pode duvidar da eficácia do e-mail, considerando todas as ferramentas que surgiram nos últimos anos. Em um mundo dominado pelo WhatsApp e pelas redes sociais, quais são as possibilidades do e-mail? O que você precisa entender é que eles não são concorrentes, mas tTodos são mídias que podem fazer parte de sua estratégia omnicanal.

Basicamente a omnicanal coloca os clientes no centro, permitindo às empresas gerir a comunicação com eles de forma coerente, através dos diferentes canais. O resultado é um experiência homogênea em todas as plataformas e mídias em que o usuário interage com a marca.

Neste sentido, o e-mail é um dos canais que uma empresa pode usar para interagir com sua lista de contatos. De acordo com estatísticas recolhidas por Kinsta , O e-mail é uma das 3 principais mídias de entrega de conteúdo para comerciantes B2C e B2B.

E se falarmos sobre Retorno do investimento (ROI), pelo menos 59% dos profissionais de marketing afirmam que o e-mail é sua maior fonte de ROI.

Portanto, o marketing por email está mais vivo do que nunca; É um dos canais mais utilizados para enviar conteúdo e interagir com os usuários; e oferece um alto ROI em comparação com outras mídias. O que você está esperando para lançar sua primeira campanha por e-mail? Você não sabe como fazer? Não se preocupe! Para isso, criamos este guia. Abaixo, nós compartilhamos o passo a passo.

Enviando e-mail por onde começar?

Em uma lista de tarefas a realizar para começar a enviar e-mails, por onde você acha que deveria começar? Tudo começa com a clareza sobre o que você quer dizer e para quem. Isso nos leva a duas etapas fundamentais:

  • Defina objetivos.
  • Crie uma lista de contatos.

Definir objetivos

O que você deseja alcançar com sua campanha de e-mail? Saber a resposta é fundamental antes de começar. Nenhuma empresa deve fazer marketing por e-mail sem um propósito claro. Isso faria você, assim como aqueles que recebem sua correspondência, perderem tempo.

Em princípio, você desperdiçaria seu tempo porque simplesmente estaria se dedicando a uma tarefa que não lhe traria os resultados esperados. Os usuários perderiam tempo porque com certeza, por não ter um objetivo claro definido, sua mensagem não será o que eles esperam.

Definir objetivos no marketing por e-mail serve para definir um curso, algo como dizer, é para onde estamos indo! O resto da sua estratégia será traçar a rota para chegar lá.

Por exemplo, se o seu objetivo é adicionar mais assinantes ao seu boletim informativo, isso definirá como, quando e onde você colocará o formulário de inscrição no seu site. Não apenas isso, mas também determinará que tipo de e-mail você enviará para aquela lista de assinantes depois disso.

Crie uma lista de contatos

A famosa lista de contatos nada mais é nada menos do que uma lista de todos os usuários que deram seu consentimento para receber os emails de suas campanhas de email.

Enviar e-mails em massa para pessoas que não concordaram em receber suas mensagens é contraproducente. Basicamente, porque isso prejudica sua estratégia de Marketing de entrada que consiste em colocar o usuário no centro, gerando um link, que se baseia na entrega de conteúdo relevante de interesse .

Se você enviar e-mails indiscriminadamente para uma lista de e-mails que não criou do zero, provavelmente não entregará conteúdo relevante para esses usuários simplesmente porque não os conhece, não sabe o que eles esperam de você. E se, além disso, você insistir e você envia frequentemente aqueles e-mails que ninguém lê, mais cedo ou mais tarde você pode acabar caindo nas garras de Spam .

Para evitar tudo isso, é melhor iniciar uma campanha de e-mail direcionada a uma lista de contatos que concordaram em receber essas mensagens. Você criará essa lista ao longo do tempo, por meio de formulários de inscrição em seu site ou em outras plataformas onde sua empresa esteja presente.

Uma alternativa para atrair novos contatos através do seu site é No local por emBlue. Com esta ferramenta você pode criar janelas pop-up para convidar a se inscrever em suas notícias ou eventos. O melhor de tudo é que é um recurso que você pode personalizar totalmente, desde o design até o comportamento.

Como é feito o e-mail? Passo a passo

Você já deu as duas etapas iniciais para começar com sua estratégia de marketing por e-mail. Mas ainda há muito mais para lhe contar. Se você está se perguntando como deve ser uma mala direta, nós lhe damos a resposta.

Segmente sua lista

Depois de limpar seus objetivos e sua lista de contatos montada, é hora de segmentação . Segmentar é, basicamente, agrupar usuários com base em características, interesses e consumos comuns. O mais comum é criar listas diferentes com base nesses critérios. Isso permite que você personalize as mensagens que você envia e obtenha conversas muito mais relevantes com cada pessoa com quem você interage.

Por exemplo, suponha que haja usuários em sua lista de contatos que se inscreveram em seu boletim de noticias , outros deram a você seus dados em troca de um ímã de chumbo e há quem compartilhe seu e-mail com você para receber um desconto. São públicos diferentes, com preocupações diferentes. Você pode criar uma lista para cada um deles e enviar mensagens personalizadas em cada caso.

Alguns critérios para segmentar:

  • Por sexo, idade ou localização geográfica.
  • Por comportamento individual em sua loja online ou site.
  • Com base na última compra que fizeram.
  • De acordo com sua atividade mais recente. Nesse sentido, lembre-se que não é a mesma coisa comunicar-se com um usuário ativo do que com quem não interage com a marca há muito tempo. Descubra como reativar usuários por e-mail em esta nota .

Crie mensagens claras e diretas

Como deve ser o conteúdo dos seus e-mails? Claro, isso também dependerá dos objetivos de cada tipo de mensagem que você enviar e do segmento de usuários que você está almejando. Mas, além disso, existem duas premissas para o conteúdo do seu e-mail: criar mensagens claras e diretas.

Na hora de escrever cada e-mail, lembre-se que os usuários não lêem cada e-mail detalhadamente, eles fazem a varredura em busca das informações mais relevantes. Por ele, você tem alguns segundos para captar a atenção deles e explicar o mais importante: qual é o benefício que você oferece. Por exemplo, baixar conteúdo exclusivo, acessar um desconto por um determinado tempo, informações sobre um evento futuro, etc.

Além de deixar claro o benefício, você deve indicar diretamente o que eles devem fazer para obtê-lo. Para isso, nada melhor que um bom Call to Action (CTA) para que seu assinante saiba o que fazer a seguir.

Vamos imaginar que você ofereça um desconto por um determinado tempo, nesse caso você pode indicar claramente por quanto tempo o benefício expira com um cronômetro. Além disso, no final do e-mail, você pode incluir um CTA direto como “Acesse agora” , “Comprar” ou “Intercâmbio” .

Escreva um assunto irresistível

O assunto é o elemento mais importante no conteúdo do e-mail. Só porque é a primeira impressão que você causa no usuário. Errar neste ponto pode representar uma baixa taxa de abertura para seus e-mails.

Nossas recomendações são:

  • Menos é mais. Resumir o conteúdo de sua mensagem em uma única linha de texto é essencial para captar a atenção do usuário à primeira vista. Cada provedor de email tem um limite de caracteres diferente ao exibir a linha de assunto, em média eles variam de 46 a 70 caracteres. Além disso, lembre-se de que os usuários estão usando cada vez mais telefones celulares para verificar seus e-mails. Por ele, use o mínimo de caracteres possível. Sintetize e você conquistará. Por exemplo: Lista de verificação – como corrigir todos os seus erros de SEO (apenas 50 caracteres).
  • Aproveite as vantagens do texto de visualização. Conhecido como pré-cabeçalho ou pré-cabeçalho, este texto é o que é exibido na sua mensagem logo após a linha de assunto e ajuda a entendê-lo com as informações adicionais que fornece. Em muitos casos, você pode complementar o assunto com o pré-cabeçalho. Por exemplo: Assunto: Deixe sua criatividade voar no YouTube / Pre-header Descubra as melhores ferramentas e se destacar.
  • Fale sobre benefícios. Independentemente do que você ofereça em sua mala direta, se não deixar claro o assunto, você corre o risco de que ninguém nunca descubra. Parece terrível, mas é a dura verdade. Ao escrever o assunto, concentre-se no benefício, é a única coisa que interessa ao usuário. Quem quer que receba sua mensagem irá perguntar o seguinte: Por que devo abrir este e-mail? A resposta a essa pergunta é o benefício que você oferece e você deve deixar isso claro.

Cuide do design de seus e-mails

Como deixar uma mala direta mais atrativa? precisamente, cuidando do design. Mesmo que você ache que o que você fala é mais importante do que o que mostra, a verdade é que é um pouco dos dois.

O texto pode ser sem brilho sem um bom design. Um bom design não diz nada por si mesmo sem uma formulação adequada. Incorporar elementos visuais que ajudem a dar mais força e clareza à mensagem é essencial para manter a atenção do usuário no conteúdo do seu e-mail.

Isso não precisa ser um problema, você pode usar modelos para fazer isso ou tirar proveito de ferramentas como Editor de arrastar e soltar com o qual você pode criar designs exclusivos em menos tempo e de forma simples. E o melhor de tudo, você terá a possibilidade de personalizar cada elemento visual do seu e-mail.

Agende o envio da sua campanha de emailing

Quando enviar sua mala direta? Conforme você trabalha em sua estratégia de marketing por e-mail, obterá informações muito valiosas sobre seu público-alvo. Isso permitirá que você saiba, entre outras coisas, qual a melhor hora e o melhor dia para enviar suas campanhas .

O que você deve ter em mente é que os usuários recebem e-mails diariamente e com certeza eles já têm uma rotina armada ou horários específicos do dia quando checam sua caixa de entrada.

A melhor coisa seria enviar suas mensagens no momento em que os usuários estão verificando seus e-mails. Isso permitirá que sua mensagem seja colocada no topo da caixa de entrada e, portanto, você terá uma chance maior de que seus e-mails sejam lidos.

Para saber isso você pode contar com a atividade anterior do usuário em relação às suas campanhas. Por exemplo, a que horas costumam abrir as suas mensagens, a que horas do dia lhe enviaram uma resposta, etc.

Para muitos, pode ser uma má ideia enviar e-mails nos finais de semana No entanto, para outras empresas, esta pode ser a principal alternativa. Tudo vai depender do setor a que pertence a sua empresa e, claro, do comportamento do seu público.

Meça os resultados

Finalmente, quando você chega ao final desta jornada, é hora de medir seus resultados e então tudo começa de novo .

Analisar o comportamento de suas campanhas de e-mail é essencial para otimizar seus envios futuros . Nesse sentido, KPI’s ou Indicadores Chave de Performance Eles são os principais indicadores de desempenho que você pode usar para medir os resultados de suas campanhas de marketing por email.

Algumas das métricas mais importantes no envio de e-mail são:

  • Taxa livre. Descreve mais claramente o nível de engajamento do seu público. Indique se o seu público está interessado o suficiente em seu conteúdo para abrir seus e-mails.
  • Taxa de rejeição. Vamos saber qual porcentagem dos e-mails que você envia não chegam à caixa de entrada dos usuários. Isso ajuda você a avaliar o entregabilidade de suas mensagens.
  • Taxa de cliques. Vamos ver quantas das pessoas que abriram seu e-mail acabaram clicando em um link.

Existem muitos mais, é claro, mas com eles você pode começar a medir o comportamento de suas campanhas.

Até agora nós viemos com isso guia de e-mail. Esperamos que você possa aplicar essas recomendações e começar a criar suas campanhas de marketing por e-mail em sua empresa.

Você precisa de uma solução de email marketing? Descubra tudo o que ela oferece a você emBlue !

FAQ sobre como enviar e-mail em sua empresa

O que é enviar e-mail?

o e-mail é o envio de e-mails em massa . Com sua implantação é possível estabelecer um canal de comunicação bidirecional entre marca e cliente.

Para que serve o e-mail?

Principalmente, um estratégia de e-mail serve para reter seu público, direcionar tráfego para seu site, fazer vendas e comunicar promoções ou anúncios importantes. Também permite que as marcas estabeleçam um canal de contato não invasivo, no qual o usuário decide qual comunicação receberá e qual não.

Como montar o melhor e-mail?

Para criar a melhor campanha de e-mail, você deve levar em consideração:

  • Defina os objetivos.
  • Crie uma lista de contatos.
  • Segmente sua base.
  • Crie mensagens claras e tópicos impactantes.
  • Automatizar remessas
  • Meça os resultados

Tudo pronto pra levar seu marketing a outro nível?
Diga adeus ao estresse do seu trabalho com uma solução desenhada para você.